De volta aos Leões de Israel

O vocalista saiu no começo de 2006 com o intuito de se dedicar a uma carreira solo que rendeu dois CD’s e um livro: A Fé e a Razão (2008) e O Santuário da Família (2013). Enquanto isso, os Leões de Israel seguiram com dois trabalhos: Ethnos Brasilis (2009) e o DVD 11 Anos de Reggae Pesado (2013).

“ Nos separamos na hora que em que não estavávamos sendo honestos uns com os outros. Foi uma decisão em que enxergamos que não estava legal internamente. Tem que ter vontade e a mesma verdade para se formar um grupo” – diz Edu SattaJah, baixista do grupo.

A volta se dá após a participação do vocalista no DVD da banda, e algumas apresentações comemorativas em shows.

Solano dividirá os vocais com Killaman, que assumiu a frente desde sua saída.

“A idéia da banda sempre foi integrar, nunca excluir quem esteja afim de transformar através da música. Estamos satisfeitos e felizes com o desempenho do Killaman nos vocais, o Solano volta para somar e fortalecer” – acrescenta Edu SattaJah.

A volta vem junto com a gravação de um novo álbum ainda sem título.

“Após oito anos em carreira solo, é uma enorme satisfação retornar às origens. Meus primeiros passos como músico profissional começaram nos Leões de Israel e muito devo a eles quanto ao meu crescimento artístico.

As afinidades que temos, como amigos e como músicos, nos atraem naturalmente sem que haja esforço para que tudo aconteça novamente.

Tenho a certeza de que temos muito ainda a contribuir para a cena da música brasileira, inclusive no exterior. Como há 15 anos, ainda estamos todos muito entusiasmados em colocar nossa criatividade e produzir um reggae de qualidade, crítico e que traga luz para a vida das pessoas.

Compartilhamos objetivos em comuns e projetos de vida que de certa forma são os alicerces para continuarmos trabalhando. Desde o princípio, a banda acreditou na música como uma ferramenta para a progressiva construção do espírito humano. A música é parte da educação, da medicina, da espiritualidade, do entretenimento e sendo tão rica em virtudes, é uma forma de propagar a lei do amor.

Voltar para a banda é como retornar para casa, estar com pessoas queridas e de recíprocos sentimentos. Novas músicas já estão no gatilho e o que está por vir, com certeza será uma das melhores produções de toda a história dos Leões de Israel”.

Share : facebooktwittergoogle plus


3 Responses

Deixe um comentario


  • Lucas on

    Condicionamento é condição


  • Shirley Daniel on

    Espero para ouvir os novos trabalhos da bando junto com o Solano. Desde que ouvi a primeira vez nunca mais deixei de ouvir!!!!
    Um beijo a todos e muita luz no caminho de cada um!
    Jah bless


  • Lucas on

    “O nosso império ninguém pode derrubar…” Seja bem vindo de volta Solano!


Escreva algo sobre este post!